[ editar artigo]

Minhas lâmpadas me sinalizam para beber água

Minhas lâmpadas me sinalizam para beber água

Estou sempre explorando os meus eletrônicos para tirar proveito deles da melhor forma possível e foi e um desses testes que tive uma ideia maluca – mas que funcionou.

 

Antes, o contexto: sei da recomendação de que devemos tomar pelo menos dois litros de água por dia (isso varia de acordo com o peso de cada pessoa), mas na maioria das vezes eu não conseguia me organizar para atingir o meu objetivo. Então sempre busquei formas de criar alertas que pudessem me lembrar de que tenho que fazer isso várias vezes ao dia.

 

Até então, eu tinha criado um lembrete no celular. De hora em hora ele apitava e me avisava que era hora de tomar água. Porém, há um pequeno problema aí: celular tocando em meio às reuniões por videoconferência acabava sendo um problema e enquanto eu não atendia nada se resolvia. Olha só o que eu resolvi fazer e pode te ajudar:

 

Definindo lembretes nas lâmpadas inteligentes

Foi aí que tive a ideia inusitada de fazer uma “parceria” com as minhas lâmpadas inteligentes: e se elas pudessem me avisar que tenho que tomar água? A lógica é simples: em vez de criar alarmes no smartphone, ajustei os mesmos alarmes como rotina no app da Positivo Casa Inteligente. 

Assim, de hora em hora as luzes do escritório são configuradas para apagar e acender depois de alguns segundos ou apenas mudando o brilho. Essa ação simples já faz com que eu associe a mudança no ambiente de trabalho ao fato de que preciso tomar água. Três minutos depois tudo volta ao normal.

 

Pode parecer estranho, mas funciona. Temos tendência a prestar mais atenção em elementos visuais do que em sinais sonoros. Sendo assim, a mudança de ambiente em função da iluminação é muito perceptível e somos incentivados a agir quase que imediatamente.

 

Rotinas e cores para separar momentos

Esse lembrete que criei é só um exemplo das muitas situações em que a mudança de iluminação pode ajudar. Como trabalho em casa, meu computador serve tanto para o trabalho quanto para o entretenimento. À noite, quando quero me divertir com games, é meio chato - e monótono - ter a sensação de estar sentado no mesmo lugar em que trabalhei o dia todo.

 

Para isso, adotei a tática de mudar as luzes do ambiente: durante o trabalho uso luzes brancas que me proporcionem o máximo possível de claridade. Já à noite, ou mudo para luzes amarelas, que me deem a sensação de que estou mais relaxado em casa, ou entro no clima dos meus jogos com um cores RGB que reflitam o ambiente do que estou jogando.

 

Você pode achar que esse tipo de mudança de cores nas luzes é algo superficial ou simplesmente cosmético, mas acredite: a cor do ambiente influencia muito na maneira como reagimos àquilo que está ao nosso redor. 

 

A minha dica se você tem uma lâmpada inteligente é: faça testes, explore as possibilidades. Por si só elas já cumprem bem suas funções básicas, mas é quando usamos recursos extras que vemos as vantagens que os itens de casa inteligente podem proporcionar.

 

Alguém também já fez uma invenção aleatória com os produtos inteligentes que ajudou no a dia a dia?

Comunidade Casa Inteligente
Ler conteúdo completo
Indicados para você